05/04/14

Manobras de orquestra no escuro...


Já sentiram que tiveram de decidir,
Que decidiram bem,
Que faz sentido assim,
Que tudo o que dissemos é justo,
Que nos abnegamos por um bem maior,
Que a vida faz tão mais sentido, a fazer sentido,
Que rotulamos um excesso como colateral e lhe minimizamos valor,
Que afinal, reiteramos, tínhamos toda a razão em decidir assim…

...Já sentiram tudo isso para descobrir que somos uns grandes ilusionistas a praticar rabdomancia com uma vara manhosa?